Pular para o conteúdo
Home > Engajamento > Feedback 360º: o que é, qual a importância e como a tecnologia pode aprimorar esse processo?
Home > Engajamento > Feedback 360º: o que é, qual a importância e como a tecnologia pode aprimorar esse processo?

Feedback 360º: o que é, qual a importância e como a tecnologia pode aprimorar esse processo?

Empresas que buscam maior engajamento dos colaboradores e prezam pelo desenvolvimento dos seus profissionais, certamente têm o feedback em sua cultura. O que, talvez você ainda não saiba, é que, além do feedback, a avaliação 360º também é uma estratégia muito utilizada pelas organizações.

O feedback 360º permite a construção de uma visão completa e profunda sobre o comportamento do profissional, sua jornada de trabalho e metas que estão sendo desenvolvidas por este colaborador.

Por isso, neste artigo, contamos tudo sobre esse tipo de análise, os benefícios para o profissional e para a empresa, assim como de que forma a tecnologia pode facilitar – e acelerar – a coleta dessas informações, gerando um relatório completo e de fácil leitura para contribuir com a gestão dos seus talentos!

O que é Feedback 360

O que é um feedback 360º?

Antes de explicar o que é uma avaliação 360º, precisamos falar sobre a expressão “feedback”. Essa palavra vem do inglês e é formada por dois termos: _feed_, que significa alimentar, e _back_, que quer dizer volta. Em uma tradução livre, feedback pode ser entendido como o retorno de algo ou o ato de dar resposta a uma atitude ou comportamento.

Assim, o feedback, dentro das organizações, se torna uma ferramenta essencial, pois é capaz de oferecer aos profissionais uma “resposta” sobre sua jornada, pontos fortes ou skills que ainda podem ser aprimoradas.

Já uma avaliação 360º – ou feedback 360º – é conjunto de diversos feedbacks, fornecidos por todos aqueles que trabalham com o profissional avaliado. Esse grupo de “avaliadores” é formado por lideranças, ele próprio (fazendo uma autoavaliação), pares, liderados e até clientes internos ou externos.

O profissional ou o seu gestor indicam quem serão os colaboradores que responderão ao feedback e o principal critério para a escolha é que essas pessoas tenham contato com o avaliado durante o seu dia a dia.

É importante lembrar que o formulário precisa avaliar os comportamentos do colaborador, considerando ainda as metas e os resultados atingidos.

Mas, afinal, por que fazer uma avaliação 360º?

A cultura do feedback faz parte da gestão de grandes organizações que buscam um maior engajamento e o aprimoramento dos seus resultados: 90% das empresas da lista da FORTUNE 500 utilizam avaliações 360 em seus processos de desenvolvimento e gerenciamento de talentos.

Assim como o feedback é capaz de contribuir para sinalizar as fortalezas e os pontos que precisam ser ajustados na jornada do profissional, o feedback 360º também irá favorecer esse processo.

Porém, neste caso, a avaliação ganha um potencial ainda maior para a gestão e o desenvolvimento do profissional, uma vez que conta com a contribuição de outros colaboradores, além do olhar do gestor e também de uma autoavaliação (por parte do colaborador que está sendo avaliado).

Além de oferecer informações preciosas para o desenvolvimento do profissional, a avaliação 360º também traz outros benefícios, tanto para a empresa quanto para o colaborador.

Benefícios para o colaborador

#1 Direcionamento

O profissional que passa por um processo de feedback 360º consegue ter uma visão mais nítida em relação ao seu desempenho, potencialidades e relacionamento com o ambiente.

Ao receber os comentários dos avaliadores, é possível identificar gaps no desenvolvimento, aqueles pontos que, muitas vezes, sem um olhar de fora, não poderiam ser percebidos pelo colaborador.

Dessa forma, além de encontrar possíveis pontos de melhoria, ele também consegue compreender se está no caminho para conseguir alcançar suas metas individuais.

#2 Desenvolvimento

Assim como a avaliação contribui para o direcionamento, ela também colabora com o desenvolvimento do profissional avaliado.

Ao identificar um gap de conhecimento ou habilidade, existe a possibilidade de traçar um plano de desenvolvimento para que este colaborador consiga buscar recursos que contribuam com o seu aprimoramento e crescimento.

Benefícios para a empresa

#1 Valorização e desenvolvimento dos profissionais

Assim como o feedback contribui para o direcionamento e o desenvolvimento do profissional, ele também acaba gerando uma valorização de quem está sendo avaliado.

Isso porque, ao receber um acompanhamento, com informações que contribuem para o seu desempenho e ser incentivado a buscar um crescimento, seja dentro da empresa, ou enquanto profissional, o colaborador avaliado desenvolve um sentimento de valorização, o que o mantém motivado e engajado junto ao processo.

#2 Mapeamento de possíveis gaps

Ao realizar um feedback 360º, é possível identificar e mapear gaps de competências e de desempenho dentro dos times. Muitas vezes, sem a ajuda de olhar de fora, o profissional dificilmente conseguiria identificar aquele ponto como algo a ser aprimorado.

Porém, esses gaps, quando não identificados e solucionados, podem acabar gerando problemas maiores a longo prazo. Por isso, é fundamental fazer esse acompanhamento e corrigir a rota sempre que necessário.

#3 Direcionamento e alcance de metas

Além de revelar possíveis gaps, a avaliação 360º também colabora para indicar se o profissional está no caminho para alcançar suas metas. Caso o colaborador não esteja tendo resultados tão satisfatórios, é possível encontrar maneiras para ajudar a solucionar a situação e fazer com que ele conquiste os objetivos.

Isso impacta diretamente no trabalho no time e, consequentemente, nos resultados da empresa, uma vez que, ao ter resultados positivos por parte dos colaboradores, a organização se torna mais competitiva e conquista mais espaço em seu segmento.

Como a tecnologia pode aprimorar e facilitar esse processo?

Agora você já sabe o que é um feedback 360º e como ele pode contribuir tanto com o desenvolvimento do profissional quanto para o resultados da empresa. Mas talvez você esteja se perguntando: como coletar todas essas informações, feedbacks e comentários em um único lugar e ainda conseguir fazer um mapeamento desse perfil, certo?

A tecnologia pode aprimorar e facilitar muito esse processo, sabia? Na Elofy, é possível definir se o processo será 90º, 180º ou 360º, criar as etapas da avaliação com formulários customizáveis, além de contar com diversas configurações para atender todas suas

Além disso, dentro da nossa plataforma, você também pode enviar lembretes para que os avaliadores não esqueçam de participar da avaliação, contribuindo assim, para o desenvolvimento do colega avaliado.

Ao final, você tem acesso a um relatório completo, intuitivo e de fácil leitura, que vai te ajudar a entender quais as potencialidades do profissional avaliado e quais pontos ainda precisam ser aprimorados, além de visualizar todos os comentários sobre cada uma das competências, o que ajuda na calibração e validação dos resultados.

Com os resultados da avaliação, você consegue aplicar o plano de desenvolvimento individual, promover feedbacks assertivos e fazer uma gestão muito mais eficaz na sua empresa!

E aí, gostou da nossa explicação? Conseguimos te ajudar? Deixe seu comentário! 💙

Comece agora sua jornada na Elofy

Gostou do Artigo?   Compartilhe

guest
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Fique por dentro de nossos conteúdos e novidades sobre nosso produto